Social, paterlanismo, ambiental…

A tão sonhada consolidação das leis socias… Tal como Vargas(o pai dos pobres), Lula(o pai dos pobres, dos ricos e de todos) também quer deixar seu nome na história do Brazil(agora é com Z, temos projeção internacional!) Tudo bem que a titia Ruth Cardoso já havia implementado programas relacionados à bolsas para famílias menos abastadas, entretanto, é de total mértio do governo(diga-se de passagem social-democrata) petista que que há a unificação de leis esparsas em programas realmente engajados na melhora ampla porém irrestrita do povo. Cabe ao governo fazer o papel de papai do povo, pegar a população pela mão e distribuir inúmeros apoios? Será que não estamos criando uma sociedade amorfa, sem engajamento participativo no programa social? Talvez seja o movimento tipicamente humano, pendular, de testar os extremos até chegar ao setor balanciado. Antes tinhamos poucos programas, hoje temos inúmeros(melhor assim obviamente) e possivelmente teremos a tão sonhada consolidação… diga-se de passagem, consolidação essa, que deve ser pensada. SUPONDO que essa consolidação tivesse sido feito por FHC. O governo Lula não poderia ter dado a melhora que deus nos programas. Penso eu que estabeler parâmetros mínimos para que o cumprimento desses programas seja obrigatório daqui pra frente é o caminho exato e lógico para a efetivação da preocupação social no Brasil. Juristas e políticos discutem sobre como implementar tal como a CLT(Consolidaçãodas Leis Trabalhistas), uma possível CLS(Consolidação das Leis Socias). Para um país continental, onde as oligarquias tem tanto poder quanto um senhor feudal tinha no seu feudo, este progresso deve ser contado com vitória pelo todo. Só não podemos acostumar o povo a que este não trabalhe mas tenha 15 filhos porque o governo bancará cada um da prole com uma ajuda de custo, de cultura e até celular. Vale celular e vale enterro é complicado né!!! Num país onde o salário mínimo não compra o mínimo necessário, rezemos para que o governo desmame seus bezerros para não mal acostumá-los. Ensinar a pescar, dar o peixe, manja esse ditado?!

 Agooooora mudando de alhos pra bugalhos, ano de eleição, Brasil fazendo papel bonito em Copenhagen mas… Por que durante os 7 anos passado do governo Lula, não foi discutido o programa ambiental brasileiro? Curioso, no momento que o rabo apertou fomos destaque em todos os jornais como sendo um dos ‘mais engajados’ com o aquecimento global. Acho que quem esquentará, será a cabeça da Dilma quando Marina Silva tocar nesse assunto, esperemos para ver o que será dito. Agora Marina, sustentar a candidatura somenta no âmbito ambiental é barra, vamos diversificar né? Saúde, moradia, alimentação, transporte, saneamento, urbanização, trânsito, lixo… temos tantos assuntos em pauta…  Aécio, Serra, o que vocês pretendem? Gastar dinheiro para fazer campanha em prol do neoliberal? Abrindo as pernas para o capital estrangeiro já deixamos de criar uma burguesia industrial NACIONAL forte. Criamos sim a dependência com o dito “1º Mundo” e viva Bandung… Todavia hoje até Jim do Goldman Sachs deve estar boquiaberto; não imaginava ele que seria o Nostradamus da atualidade que com seu BRIC(podemos dizer BRICAS talvez) inventado para dizer que em 2050 seríamos importantes, ah bonitão…o Sr. não imaginava que os Brazukas aqui sustentariam, em pleno 2010, as esperanças da reconstrução econômico-financeira mundial. Voltando ao Brasil, a estatização poderia funcionar como uma saída para o problema nacional. A integração do processo produtivo levada ao contexto Brasil pode trazer de volta a força da unidade, e talvez mude a cabeça de empresas que como a Vale, preferem exportar commodities a beneficiar os produtos aqui no país. Quem sabe se todos os setores vivessem a sinergia integracional poderíamos crescer como um todo, desde o produto bruto, até exportando tecnologia aplicada.

“Eia sus, óh sus!” (pra quem não sabe, eia sus é, avante!) ahahahha

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s